27 de fevereiro de 2014

AVISO AOS ATLETAS



Os atletas que ainda não fizeram sua renovação ou não se federaram, tem até  o dia 10 de março para fazer sua regularização junto à FCV. 
O atleta que não regularizar sua situação, não terá direito à pontuação no ranking catarinense.



EXPEDIENTE DA FCV!!!
A FCV NÃO ESTARÁ ABERTA NOS DIAS 28/02, 03/03 E 04/03.

       Sergio Ceará
Coord. Vôlei de Praia FCV

17 de fevereiro de 2014

Classificação final CCVP Etapa Palhoça 2014

Classificação Feminino Adulto
 Classificação Masculino Adulto
 Classificação Sub 19 Masculino
 Classificação Sub 19 Feminino

CBBVP REGIONAL Etapa Maringá/PR



                      Etapa em Maringá (PR) encerrou o Grupo 3 do Regional 2013

Em Maringá (PR), a etapa foi a de encerramento do Grupo 3 do Regional 2013. E quem fez a festa foram os paranaenses Felipe Cavazin e Daniel Lazzari e as catarinenses Leize/Andréa Teixeira, que se despediram, enfim, com um título na competição. No masculino, a conquista de Felipe e Daniel se deu numa final muito equilibrada contra Brian/Fábio (SC/CE), com vitória por 2 a 1, parciais de 21/17, 15/21 e 16/14.

Na semifinal, mais cedo, eles já haviam derrotado Bob Filho/Paulo Amado (DF) por 2 a 0 (21/17 e 21/18), enquanto Brian e Fábio bateram Carlos Luciano/Anderson Melo (RJ) por 2 a 1, de virada (16/21, 21/14 e 15/10). Na decisão do terceiro lugar na Vila Olímpica de Maringá, melhor para Bob Filho e Paulo Amado, que superaram Carlos Luciano e Anderson Melo com uma tranquila vitória por 2 a 0 (21/14 e 21/9).

No feminino, Leize e Andréa Teixeira foram campeãs ao vencerem Danni/Nathasha (MS/RJ) na final. Mas foi nos detalhes: 2 a 0, parciais de 22/20 e 21/19. Na semifinal, elas já haviam batido Amanda/Beatriz (RJ) por 2 a 1, de virada (18/21, 21/16 e 15/9). Já Danni e Natasha tinham derrotado Mayara/Michelle (CE/RJ) por 2 a 0 (21/12 e 21/13). Estas, porém, venceram Amanda e Beatriz por 2 a 1 (13/21, 21/19 e 21/19) na disputa do terceiro lugar e completaram o pódio.
Fonte: Assessoria de Comunicação – CBV
Idigo - Núcleo de Inteligência Digital



CIRCUITO SUL-AMERICANO 2014




Thiago e Álvaro Filho são campeões em Montevidéu
 Não poderia ser mais promissora a volta da dupla Thiago/Álvaro Filho (SC/PB), que foi desfeita há 11 meses depois que o paraibano aceitou o convite para formar parceria com o campeão olímpico Ricardo. Neste domingo (16.02), eles foram campeões da terceira etapa do Circuito Sul-Americano de Vôlei de Praia 2014, em Montevidéu (URU).
Uma campanha invicta, com seis vitórias em seis jogos e apenas um set perdido.
O carioca Thiago, que é federado por Santa Catarina, e o paraibano Álvaro Filho chegaram à decisão em Montevidéu após travarem um complicado duelo contra os argentinos Julian Azaad e Ian Mehamed pelas semifinais. No fim, vitória de virada por 2 a 1, parciais de 24/26, 21/19 e 15/8, e o único set perdido no torneio. Final contra os primos chilenos Marco e Esteban Grimalt, que tinham batido Bruno/Hevaldo na outra semi.
E aquela química mostrada por Thiago e Alvinho na época em que jogaram juntos se confirmou até a grande final, quando eles não deram qualquer chance para a dupla chilena. Em dois sets impecáveis, eles venceram por 2 a 0, parciais de 21/14 e 21/16, e garantiram mais um título para o Brasil, repetindo o feito de Allison/Guto na etapa de abertura, realizada em Macaé (RJ).
Bruno e Hevaldo, que, atualmente, formam a dupla masculina mais duradoura do vôlei de praia brasileiro (juntos desde 2012), completaram o pódio ao garantirem o terceiro lugar. Depois de perderem nas semifinais para Marco e Esteban Grimalt por 2 a 0, com um duplo 21/18, eles asseguraram o bronze ao baterem Julian Azzad e Ian Mehamed por 2 a 1, parciais de 21/15, 18/21 e 15/8.

Elize Maia e Fernanda Berti são superadas por argentinas na final
Na final feminina, um grande jogo, daqueles difíceis de se apontar um vencedor. Tanto que o primeiro set teimava em não terminar. Com alguns set points para ambos os lados, Ana Gallay e Georgina Klug (ARG) acabaram largando na frente de Elize Maia e Fernanda Berti com um 30/28. Vantagem que deu mais tranquilidade à dupla argentina, que fechou o segundo com um 21/17 e sagrou-se campeã. Na semi, Elize e Fernanda já tinham batido Fabiana Gomez e Lucia Guigou (URU) por 2 a 0 (21/18 e 21/17).
Se Neide e Carol Horta, campeãs da primeira etapa, deixaram escapar a chance de chegar a mais uma final, perdendo na semi justamente para Ana Gallay e Georgina Klug por 2 a 1, de virada (17/21, 23/21 e 15/12), ao menos garantiram para o Brasil mais uma valiosa medalha. Na decisão de terceiro lugar contra as anfitriãs Fabiana Gomez e Lucia Guigou, mais uma partida decidida no tie break, mas, desta vez, com vitória (22/20, 11/21 e 15/10).
Fonte: Assessoria de Comunicação – CBV
Idigo - Núcleo de Inteligência Digital
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Tempo em